02
Ago 07

 

 

Ainda consigo sentir o teu sabor na minha boca...

Ainda tenho dúvidas quanto ao que sinto...

Ainda é difícil dizer o que se tem estado a passar...

A minha fraqueza continua a ser o teu fantasma que me atormenta...

Há um pedaço da tua face que ainda não beijei...

Aproximas-te mais a cada dia que passa...

Aprendi a voar com as pedras...

Aprendi a mentir com o amor...

Aprendi a morrer com a vida...

Por isso, não é assim tão difícil cair...

     ... quando flutuamos como uma bola de canhão...

Ainda consigo ouvir a tua música na minha cabeça...

Ainda existem palavras que espero ouvir da tua boca...

Aproximas-te mais de mim...

     ... tão próximo que nem me apercebo do que se está a passar...

Não te quero assustar...

     ... e não te quero perder...

Não é assim tão difícil crescer...

     ... quando sabemos que simplesmente não sabemos nada...

 

 

 

 

 

Escrito por Someone Else às 19:45
música: Cannonball - Damien Rice

Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

posts recentes

Bola de canhão...

mais sobre mim